01 julho, 2008

Uma corrida para a morte

O jovem insensato que dirige o seu automóvel a alta velocidade não é o único que corre para a morte.

São dois nomes muito conhecidos na indústria japonesa e entre as marcas de automóvel Um é o Toyota Comry e o outro o Honda Acorda. Esses ídolos da juventude foram utilização numa auto-estrada de Paris, França, alcançando velocidades superiores a duzentos quilómetros à hora.

Lamentavelmente o Toyota perdeu estabilidade indo contra uma parede de cimento ficando em chamas. Seguindo o Toyota, o Honda chocou contra ele, despedaçando-se mesmo. Dois adolescentes, ambos de dezasseis anos de idade, guiavam os automóveis. ! resultado do choque e do incêndio, os dois jovens, na primavera da vida, ficar; carbonizados. "Louca corrida para a morte" foi o título da reportagem saída nos periodismo

Quando um jovem guia um carro desportivo de grande potência, parece que o seu céreta fica subjugado pela maravilha mecânica que tem nas mãos, e pressiona o pedal do aceleração sem pensar nas consequências. E quando vê ao seu lado, na auto-estrada, outro jovem volante de um veículo japonês de igual categoria, aumenta a velocidade do carro para \ quem chega primeiro. Primeiro para onde? Isso nem se pensa. Mas o fim é, com frequência morte.

O jovem insensato que dirige o seu automóvel a alta velocidade não é o único que com para a morte. Também o moço que fuma cigarros de marijuana inicia uma "corrida" que fim na morte. Quantas pessoas não terminam desse modo a sua existência!

E que dizer da mulher casada, jovem e bonita, a qual se deixa seduzir por um homem q só deseja enganá-la? Ela acredita que é amor. Ele sabe que é luxúria. Como quer que seja também uma corrida para a morte.

O mesmo poderá dizer-se do bem sucedido homem de negócios que aspira administro milhões de dólares, e que por desmedida ambição mete-se em negócios escuros e duvidoso Esse também está numa corrida para a ruína, que equivale à morte.

Aquele que abandona o seu sentido de direcção moral está a iniciar essa corrida, e se n parar a tempo, acabará derrotado.

Todavia Jesus Cristo deseja orientar-nos quanto à nossa vida. Ele assevera: "Eu sou caminho, a verdade e a vida..." (João 14:6). Só teremos de pedir-lhe que seja o nos Condutor, pois Ele guia-nos a uma vida judiciosa e sã, e por último à vida eterna. Ia

Autor do texto bíblico

HERMANO PABLO

2 comentários:

Eduardo Neves disse...

Graça e Paz;
Primeiramente parabéns pelo blog, ele é muito edificante.
Gostaria também de convidá-lo para ler meu novo post: "Porque a ira destrói o louco; e o zelo mata o tolo."

Um abraço & Deus te abençoe.
Eduardo Neves.

Pastor Zico disse...

Pronto Guerreiro visiteiseu blog